sexta-feira, setembro 08, 2006

63) Registrando: a resposta do PT a FHC

Em nota, Berzoini rebate declarações de FHC

NOTA À IMPRENSA
Em relação à "Carta aos eleitores do PSDB", de autoria do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, temos a manifestar o seguinte: mais do que uma tentativa de melhorar o desempenho do seu candidato a presidente, a carta tenta reverter a imagem negativa de FHC, expressa nas pesquisas de opinião. A idéia é confirmada ainda pela total exclusão de sua imagem do programa de TV do seu candidato.
A atitude do ex-presidente beira o desespero. Felizmente a população brasileira não pensa como ele. Ao contrário, reconhece os avanços, a seriedade e o compromisso do presidente Lula com a nação, como mostram os altos índices de aprovação obtidos nas pesquisas, tanto do governo como da figura do presidente e do seu partido.
Infelizmente a autocrítica de FHC aos erros do PSDB agora é tímida e tardia. Há muitos casos de irregularidades e de denúncias de corrupção praticados durante o seu governo que até hoje não foram bem esclarecidas. Da mesma forma, em São Paulo, o governo Alckmin impediu a instalação de mais de 70 CPIs na Assembléia Legislativa. Os ataques grosseiros do ex-presidente Fernando Henrique ao presidente Lula demonstram a sua incapacidade de se comportar adequadamente na condição de ex-presidente da República.

Brasília, 8 de setembro de 2006.
Ricardo Berzoini
Presidente Nacional do PT
Coordenador-geral da campanha da coligação A Força do Povo
------------------------------------------
OUÇA TAMBÉM NA RÁDIO 13:
FHC foi "esquecido" no horário eleitoral de seu partido, afirma Ricardo Berzoini

A resposta quem tem que dar é o povo. Esta foi a afirmação do presidente do PT e coordenador da campanha da coligação A Força do Povo, ! Ricardo Berzoini, ao rebater a carta que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso divulgou nesta quinta-feira. Berzoini diz que este foi um ato impulsivo e descontrolado.

É uma tentativa desesperada do ex-presidente de retornar à cena política, já que seu próprio partido não dá espaço para ele defender os seus oito anos de governo no programa eleitoral de Geraldo Alckmin. Portanto há, claramente, uma ansiedade na qual ele manifesta opiniões absolutamente incompatíveis com o que o povo brasileiro assistiu durante o seu governo.

Ricardo Berzoini disse, ainda, que as pesquisas mostram que o candidato tucano Geraldo Alckmin esconde FHC justamente por que o ex-presidente é um péssimo cabo-eleitoral.

Fala um cidadão, que quando foi presidente, usou de todos os instrumentos para impedir CPI"s , para retirar! a autonomia do Ministério Público e de calar qualquer tipo de investigação da Polícia Federal. É surpreendente como o ex-presidente FHC vem agora criticar quem equipou a Polícia Federal, criou mecanismos novos de investigação, estruturou a CGU e deu total liberdade para o Ministério Público investigar, além de ter sofrido três CPI"s durante o seu governo. Buscaram centralmente atacar o governo e não conseguiram obter provas de nenhum tipo de corrupção suspeita.

O presidente do PT conclui, também, que a rejeição a Fernando Henrique Cardoso é altíssima nas pesquisas, por isso o seu partido, o PSDB, p! refere não falar dos seus 8 anos de governo.

saiba tudo sobre a campanha em www.lulapresidente.org.br

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home